Canguçu, segunda-feira, 11 de dezembro de 2017, 11h15
Compartilhe:
EDUCAÇÃO - 14/08/2017
Alberto Wienke usa a fotografia para humanizar as aulas
Foto: Divulgação/Canguçu On Line
A terceira etapa do projeto propôs a produção de uma imagem refletida na água, cujo resultado pode ser conferido na galeria de imagens logo abaixo
A terceira etapa do projeto propôs a produção de uma imagem refletida na água, cujo resultado pode ser conferido na galeria de imagens logo abaixo
A terceira etapa do projeto propôs a produção de uma imagem refletida na água, cujo resultado pode ser conferido na galeria de imagens logo abaixo

Projeto “O registro de mim, dos outros e do mundo”, coordenado pela professora Marlise Buttow, concilia os registros feitos com o aparelho celular e as atividades da área, como produção de texto, legendas e poesias

Na Escola Estadual Alberto Wienke, localizada no Herval, 2º Distrito de Canguçu, um projeto que trabalha a língua portuguesa para o Ensino Fundamental, conciliando a produção de fotografias, conquistou o envolvimento dos alunos do 8º e 9º anos.

Criado e coordenado pela professora Marlise Buttow, com a intenção de despertar o interesse dos alunos pelo conteúdo, o projeto tem o nome “O registro de mim, dos outros e do mundo”.

— O projeto tem feito com que os alunos não vejam mais as atividades como uma obrigação curricular, mas como uma oportunidade de aprendizado e desenvolvimento — avalia a docente.

Dividido em cinco etapas, o projeto conversa com a fotografia e o Português — disciplina com a qual Marlise trabalha na escola — mesclando os registros feitos com o aparelho celular e as atividades da área, como produção de texto, legendas e poesias, ao mesmo tempo em que são trabalhados aspectos textuais como concordância, acentuação e pontuação.

A primeira etapa se deu com a produção de um registro de si mesmo, em um trabalho da percepção do indivíduo, em paralelo com o conceito de narcisismo.

A segunda, propôs aos alunos o registro de uma atividade que lhes trouxesse prazer, exercitando o respeito pelo que o outro produziu, pelo gosto que o outro colega possui.

— Este é um fator importante no combate à intolerância e ao preconceito. Buscamos uma sociedade mais madura, e um mundo melhor — justifica.

No decorrer desta atividade, registros como o ‘trabalho na lavoura’ e o ‘jogo de cartas com os avós’ chamaram a atenção de Marlise, que percebeu nos alunos uma forte valorização de familiares, como irmãos menores, pais e avós.

A terceira etapa propôs a produção de uma imagem refletida na água, cujo resultado pode ser conferido na GALERIA DE IMAGENS logo abaixo. A quarta fase trabalhará os elementos da natureza e, a quinta e última, a relação dos alunos com quem os rodeia.

— Eu nunca tinha parado para olhar para esses pequenos detalhes. Nunca tinha observado como isso tudo é tão bonito — disse uma aluna participante do projeto à professora Marlise, após apreciarem juntas uma foto de um aglomerado de cogumelos.

“O registro de mim, dos outros e do mundo” é construído em conjunto pelos 33 alunos do 8º ao 9º ano da Escola Estadual Alberto Wienke. Os primeiros passos foram dados no começo do ano letivo e foram inspirados a partir da leitura de um artigo destacando o mundo visual e tecnológico da atualidade, e se estenderá até dezembro, sendo exposto aos alunos de outras turmas da escola.

— Eu acho que a gente acaba transformando os alunos em pessoas mais sensíveis e, consequentemente, mais humanas. Eles vão ver que tudo o que foi trabalhado tem uma significação no meio em que estamos inseridos — destaca a professora, orgulhosa do envolvimento dos alunos no projeto.


Informações: Canguçu On Line (www.cangucuonline.com.br)

Veja mais imagens:
Confira também:
Alunos do Colégio Aparecida lançam livros
CIEE inaugura primeira turma de aprendizagem em Canguçu
PAVE vai ser realizado nesse final de semana
João de Deus Nunes pode ter aulas até 28 de janeiro
Canguçu tem 11 vencedores no Concurso Agrinho
Município debate tratamento para crianças com autismo
FOTOS: Escola Gonçalves Dias é destaque nacional
Prezado leitor:
- Para enviar um comentário, é preciso possuir uma conta no Facebook e fazer login nela.
- O comentário é de inteira responsabilidade do autor da mensagem e não representa a opinião do site Canguçu On Line.
 
  • Canguçu On Line
ENQUETE
Sobre a instalação de 3 semáforos entre a Av. Exército Nacional e a R. Júlio de Castilhos?
Sou a favor
Sou contra

ÚLTIMAS NOTÍCIAS
08:41:47
Lojas Frank com muitas novidades par...
08:40:52
Confira os serviços da Clínica Brasi...
08:34:07
A Afubra preparou ótimas ofertas par...
08:26:00
Escolha seu presente de natal na Mun...
08.12.17
Sábado com lojas abertas até as 18h...
08.12.17
Canguçu festeja Nossa Senhora da Con...
07.12.17
Alunos do Colégio Aparecida lançam l...
07.12.17
Despedida de Chiquinho com jogo bene...
07.12.17
Confira as ofertas do Supermercado H...
07.12.17
Suspeito de matar Jaíne Centeno é ju...
07.12.17
Pastelaria Paz com cervejas artesana...
07.12.17
Estrela Móveis promove a Black Week...
07.12.17
Dra. Stela Maris de Azevedo Mota Ort...
07.12.17
CIEE inaugura primeira turma de apre...
07.12.17
PASA Produtos Agrícolas traz à Cangu...
06.12.17
Canguçu ganha unidade do PROCON...
06.12.17
Alunos da APAE distribuem abraços...
06.12.17
Osteoporose atinge mulheres e alemãe...
06.12.17
Clínica São Francisco com sorteio de...
06.12.17
Faça sua mamografia na Radiol Centro...
+
Lidas
1
Faça sua mamografia na Radiol Centro de Diag...
2
Pastelaria Paz com cervejas artesanais...
3
Marmoraria Duarte: tudo em mármores, granito...
4
Confira os serviços da Clínica Brasil Canguç...
5
PASA Produtos Agrícolas traz à Canguçu: Ener...
6
Natal dos Sonhos é no Mundo Real ...
7
Você já conhece o Studio Stael Palivorda?...
8
Dra. Stela Maris de Azevedo Mota Ortodontia ...
9
Móveis Rústicos em madeira você encontra na...
10
Kids Mania com lindas novidades de verão...
  • Canguçu On Line
Canguçu On Line - O Jornal diário de Canguçu © 2017 - Todos os direitos reservados