Canguçu, sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018, 16h53
Compartilhe:
OPINIÃO - 20/11/2012
Artigo: O stress diário e a sensação de ineficiência individual
Foto: Divulgação
Texto foi baseado no relato de uma amiga do autor
Texto foi baseado no relato de uma amiga do autor
Texto foi baseado no relato de uma amiga do autor

O texto a seguir foi enviado pelo estudante de Filosofia da Universidade Federal de Pelotas (UFPel), Alan Otto Redü:

"O stress diário e a sensação de ineficiência e ineficácia individual"
(baseado no relato da amiga G. J.):


Outro dia, fiquei sabendo que uma amiga, tinha tentando o suicídio, fiquei pasmo com a notícia, e fui averiguar de perto, notei que a mesma estava ausente dos meus contatos eletrônicos, já algum tempo, e por se tratar de uma pessoa sensível, achei que procedia a notícia. Através de uma rede social, pude constatar, conversando com a mesma, que procedia tal informação. Ela havia tentado tal ato e, graças a Deus, não logrou êxito em seu intento.

Eu Refleti profundamente sobre tal acontecimento, e conclui que, se a mesma tivesse obtido sucesso em sua iniciativa, eu jamais me perdoaria, porque não pudera ao menos ouvi-la em seus problemas internos, e eu não teria honrado com meus compromissos de amigo... Jamais ia me perdoar...

Envie seu texto, artigo ou crônica para jornalismo@cangucuonline.com.br.

Ora, logo eu, o maior e melhor filósofo da minha quadra, onde resido (haja vista só eu curso tal curso nesta quadra). Eu, dotado de um grande número de livros lidos, nas mais diversas áreas do pensamento e da cultura em geral (embora já não lembre o nome do título, editora e autores dos mesmos...). Seria uma desgraça para o meu ego, se esta amiga tivesse alcançado sucesso em sua empreitada macabra...

Cabe ressaltar que a moça referida não tem mais do que 24 anos, uma flor em tenra idade... Contou-me que teve tal inciativa por estar com problemas em casa, a instituição de ensino onde frequenta está por entrar em greve, e que o namorado terminou o relacionamento, entre outros problemas... Em face de tantos desagravos, ela não teve forcas para seguir em frente e achou que a “fuga”, seria a solução para seus problemas.

O que descrevo aqui é apenas a semelhança que muitos jovens vêm enfrentando ao longo do seu dia a dia, ao longo do seu percurso como ser humano, existem muitos casos de suicídio, de índices de drogadição, e violentos dados que nos entristecem, ao ver que o “Futuro de amanhã”, se entranha cada vez mais num caminho sem volta... O que fica cada vez mais claro, a cada dia que passa, que todos os indivíduos, embora auxiliados pelas tecnologias de ponta, onde equipamentos desenvolvem e processam atividades humanas, o homem tende a ter mais e mais compromissos, já se vai longe os dias de calmaria e tranquilidade...

A rotina cada vez mais apressada e mais enlouquecida da sociedade atual acaba por deliberar uma postura de precisão e de resultados exatos, em todos os cometimentos e projetos, que os indivíduos fazem. No próprio meio Rural, onde aparentemente o “Tempo” passa mais devagar, se observa esta sensação.

E dada esta ocupação, os indivíduos vão ao longo do percurso tendo insucessos, pelos mais variados motivos, ou porque não elaboraram um projeto de execução coerente com a capacidade empreendida, ou porque estes mesmos cometimentos sofreram interferência, de situações externas. A repetição de algum destes insucessos vão imprimindo uma sensação de ineficácia pessoal no indivíduo, ela normalmente surge com pequenas decepções, não raras vezes ligada também a opiniões dos semelhantes que habitam o mesmo circulo social. Se não cuidarmos de perto, isto pode até virar uma enfermidade, constatado pelas pesquisas mais avançadas na área da psicologia moderna.

O que importa nos dias de hoje, aos olhos da sociedade, é o Módulo Operante de nossa vida, o resultado obtido depende da aprovação da opinião alheia, e da aproximação com nossos controladores ideológicos. Mas isso está equivocadamente posto, pois, diretamente, não dependemos da sociedade para executar nossa personalidade operante. Dependemos, sim, de uma série de fatores, que nos levam ao contato com as outras pessoas, para a aquisição das possibilidades na realização de práticas, onde envolve, sim, a troca da nossa força de trabalho, por certo valor dado em troca, entre outras formas de contato com a dita sociedade instituída. Ademais, somos independentes para concretizar nossos intentos.

Concluindo que o importante, em tudo que fizemos e idealizamos, é a nossa real intenção diante do projeto proposto, este sim, é o divisor de águas, e não o resultado final do mesmo, até mesmo porque leva-se em conta inúmeros fatores que dependem de nós e dos outros para sua realização íntegra. Pelo nosso esforço máximo, nossa real dedicação com um objetivo traçado, e ter em mente, em não prejudicar o próximo, e sim levando em conta que podemos beneficiar o meio onde vivemos, bastará para que possamos ter a tranquilidade do dever cumprido, não sendo tão restrito ao resultado de advirá de nossos empreendimentos.

Confira também:
Assumir responsabilidades não é pecado!
Artigo: Barbosa Lessa, uma obra ‘soterrada’ pelo tradicionalismo
Artigo: “Na tinta azul dos Olhos da Lagoa”
Artigo: O MST, a luta pela terra e o exemplo dos assentamentos
Artigo: O Natal daquele menino
Artigo: Uma terra para Rose
Artigo: A Importância de Um Teatro
Prezado leitor:
- Para enviar um comentário, é preciso possuir uma conta no Facebook e fazer login nela.
- O comentário é de inteira responsabilidade do autor da mensagem e não representa a opinião do site Canguçu On Line.
 
  • Canguçu On Line
  • Canguçu On Line
ENQUETE
Você é a favor ou contra o cancelamento do Carnaval de Rua 2018?
Sou a favor, o dinheiro economizado poderá ser investido em outras prioridadades
Sou contra, o município perde dinheiro, pois a população acaba saindo da cidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS
09:12:37
Por que a gasolina chega ao consumid...
09:00:00
LM Baterias com deslocamento grátis ...
08:56:27
Funerária Santo Antônio: 50 anos de ...
08:55:05
Senna Auto Center: manutenção preven...
08:47:17
Verão na Estillosa com descontos de ...
22.02.18
Lojas abrem até as 18h neste sábado...
22.02.18
Sexta-feira é dia de uvas finas na r...
22.02.18
Vazamento de água já dura 20 dias no...
22.02.18
Projeto Escola no Campo mudará a rot...
22.02.18
Municípios afetados debatem sobre a ...
22.02.18
Dra Stela Mota fala sobre ronco e ap...
22.02.18
Quinzena do preço baixo Lojas Estrel...
22.02.18
Já provou o delicioso açaí da Pastel...
22.02.18
VÍDEO: Supermercados Heling com ofer...
21.02.18
Maioria é contra a abertura do comér...
21.02.18
Foragido é preso por morte de idoso ...
21.02.18
Canguçu teve 1.192 demissões em 2017...
21.02.18
Inscrições na UFPel para estudantes ...
21.02.18
VÍDEO: Fabris Prestes, presidente da...
21.02.18
Igreja da Figueira promove o Bazar S...
+
Lidas
1
Funerária Santo Antônio: 50 anos de experiên...
2
Já provou o delicioso açaí da Pastelaria Paz...
3
Realize sua ultrassonografia na Radiol...
4
Marmoraria Duarte: tudo em mármores, granito...
5
Saiba mais sobre o atendimento psicológico d...
6
Studio Stael Palivorda com ambiente climatiz...
7
Surpreenda-se com o conforto deste lindo est...
8
Médica veterinária Tainá Gonçalves fala de F...
9
Mundo Real com promoção volta às aulas...
10
LM Baterias com deslocamento grátis até 30 q...
  • Canguçu On Line
Canguçu On Line - O Jornal diário de Canguçu © 2018 - Todos os direitos reservados