Canguçu, domingo, 25 de fevereiro de 2018, 00h53
Compartilhe:
TRÂNSITO - 08/09/2017
Canguçuense sobrevive a acidente com ônibus em São Lourenço
Foto: Douglas Coelho/Canguçu On Line
A canguçuense Dina Leal estava no ônibus durante o acidente e relatou os momentos de apreensão e ajuda mútua entre os passageiros
A canguçuense Dina Leal estava no ônibus durante o acidente e relatou os momentos de apreensão e ajuda mútua entre os passageiros
A canguçuense Dina Leal estava no ônibus durante o acidente e relatou os momentos de apreensão e ajuda mútua entre os passageiros

Na manhã de domingo (3), um grave acidente envolvendo um ônibus da empresa Penha e uma caminhonete Toyota Hilux no Km 444 da BR 116, em São Lourenço do Sul resultaram em oito pessoas feridas, sendo duas gravemente e na morte do motorista da caminhonete.

As vítimas foram atendidas por equipes do Corpo de Bombeiros, da Concessionária Ecosul e Ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) dos município de Cristal, São Lourenço do Sul e Pelotas e levadas aos hospitais da região. O ônibus se deslocava de Curitiba-PR com destino à Rio Grande-RS. O acidente ocorreu por volta das 05h30. As causas estão sendo apuradas, mas há indícios de que a colisão frontal tenha se dado devido a invasão da pista contrária pela caminhonete.

O Canguçu On Line conversou com Dina Leal, uma das vítimas canguçuenses que estava no acidente.

— Eu estava acordada quando aconteceu o acidente. Permaneci sempre consciente e calma, evitando entrar em pânico, apesar do nariz sangrando muito. Tentei alcançar um lenço em minha bolsa para estancar o sangramento e não consegui, um rapaz que ia ao meu lado ofereceu sua jaqueta para estancar. — explicou Dina.

Dina havia ido visitar sua filha em Jaraguá do Sul, embarcou em Joinville e tinha como destino final Pelotas, onde seu marido a aguardava para retornarem a Canguçu.

— Lembro de muita gente ferida, alguns com perna quebrada. Havia uma menina de uns dez anos que não havia se machucado mas estava assustada e chorava muito. No banco ao lado oposto, após o corredor, vinha um rapaz que também era de Canguçu e quebrou a perna. No momento do acidente, um senhor estava em pé no corredor, acabou resvalando e também quebrou a perna. Bem a frente uma senhora estava usando cinto de segurança e não se machucou. Eu sempre viajo com cinto de segurança. Como havíamos saído a pouco do Grill, eu ainda não havia colocado o cinto, pensando que estávamos próximos e poderia ir separando o ticket da viagem. Quando eu fui até a frente do ônibus não estava conseguindo entender o que havia acontecido. Foi quando outros passageiros me disseram que tinha acontecido uma colisão. Eu pensei que o motorista não tivesse sobrevivido quando vi o ônibus sem o pára-brisas e ao descer vi que ele estava deitado no chão, e haviam muitos cacos de vidro pelo chão. Com a chegada da equipe de socorro, fiquei sabendo que ele havia resistido. Lembro que os bombeiros tiveram que usar uma escada para retirar o rapaz de Canguçu que havia quebrado a perna pela saída de emergência. —  relembra Dina.

Leal comenta que é preciso ter fé e ser forte e não se deixar desanimar com os desafios da vida. Em menos de um ano ela perdeu dois irmãos.

— Quando eu estive em Jaraguá, ganhei de minha filha um livro chamado “Deus está no controle”. Ela trouxe de um congresso a qual foi com seu esposo no CTPI -  Centro de Treinamento para Plantadores de Igrejas, em São Paulo”. Quando comecei a leitura um trecho me chamou bastante atenção “aguardando um chamado”. Tenho a certeza que Deus estava ali. — concluiu emocionada.

Veja mais imagens:
Confira também:
Homem morre em acidente de moto no Faxinal
Acidente com feridos e danos materiais próximo ao Caxias
DAER aumenta para 30 dias prazo de obras na ERS-265
Acidente no Centro deixa motociclista ferido
Trecho de 3,7 km da ERS-265 tem recapeamento asfáltico
Assaltos na BR 392 tem preocupado motoristas
Começa instalação dos pilares de nova ponte do Costa em Piratini
Prezado leitor:
- Para enviar um comentário, é preciso possuir uma conta no Facebook e fazer login nela.
- O comentário é de inteira responsabilidade do autor da mensagem e não representa a opinião do site Canguçu On Line.
 
  • Canguçu On Line
  • Canguçu On Line
ENQUETE
Você é a favor ou contra o cancelamento do Carnaval de Rua 2018?
Sou a favor, o dinheiro economizado poderá ser investido em outras prioridadades
Sou contra, o município perde dinheiro, pois a população acaba saindo da cidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS
24.02.18
As principais notícias da semana em ...
24.02.18
Acidente com feridos e danos materia...
24.02.18
Vida além da vida: Eternos pedintes...
23.02.18
Agência Sine divulga vagas de empreg...
23.02.18
Loja Tottal Casa e Conforto anuncia ...
23.02.18
Polícia prende dois homens com motos...
23.02.18
Estudantes devem atualizar informaçõ...
23.02.18
Por que a gasolina chega ao consumid...
23.02.18
LM Baterias com deslocamento grátis ...
23.02.18
Funerária Santo Antônio: 50 anos de ...
23.02.18
Senna Auto Center: manutenção preven...
23.02.18
Verão na Estillosa com descontos de ...
22.02.18
Lojas abrem até as 18h neste sábado...
22.02.18
Sexta-feira é dia de uvas finas na r...
22.02.18
Vazamento de água já dura 20 dias no...
22.02.18
Projeto Escola no Campo mudará a rot...
22.02.18
Municípios afetados debatem sobre a ...
22.02.18
Dra Stela Mota fala sobre ronco e ap...
22.02.18
Quinzena do preço baixo Lojas Estrel...
22.02.18
Já provou o delicioso açaí da Pastel...
+
Lidas
1
Funerária Santo Antônio: 50 anos de experiên...
2
Já provou o delicioso açaí da Pastelaria Paz...
3
Realize sua ultrassonografia na Radiol...
4
Marmoraria Duarte: tudo em mármores, granito...
5
Saiba mais sobre o atendimento psicológico d...
6
Studio Stael Palivorda com ambiente climatiz...
7
Surpreenda-se com o conforto deste lindo est...
8
Médica veterinária Tainá Gonçalves fala de F...
9
Mundo Real com promoção volta às aulas...
10
LM Baterias com deslocamento grátis até 30 q...
  • Canguçu On Line
Canguçu On Line - O Jornal diário de Canguçu © 2018 - Todos os direitos reservados