Canguçu, sábado, 24 de fevereiro de 2018, 07h34
Compartilhe:
GERAL - 06/02/2018
Documento único de identificação a partir de julho
Foto: Canguçu On Line/Reprodução
Documento digital reunirá vários documentos, terá validade em todo o território nacional e poderá ser obtido por meio de aplicativo
Documento digital reunirá vários documentos, terá validade em todo o território nacional e poderá ser obtido por meio de aplicativo
Documento digital reunirá vários documentos, terá validade em todo o território nacional e poderá ser obtido por meio de aplicativo

Cada vez mais importante na vida dos brasileiros, o celular pode tornar-se indispensável a partir deste ano.

O governo lançou, na segunda-feira (5), o Documento Nacional de Identificação (DNI), um aplicativo que vai reunir diversos documentos na tela do celular. O aplicativo ainda está em fase de testes, e a previsão é que esteja disponível para a população a partir de julho deste ano.

Em princípio, o aplicativo vinculará o CPF, título de eleitor, podendo substituir também o RG. A carteira de motorista ficará de fora, por enquanto, mas existe a possibilidade de que o documento também seja integrado à plataforma futuramente. O mesmo é esperado do cartão SUS. O DNI no celular não será obrigatório e não invalidará os documentos de papel que existem hoje. 

Para utilizar o DNI, o cidadão deve baixar o aplicativo e informar CPF, e-mail e telefone. Após isso, o usuário terá que ir a um cartório eleitoral para checar as digitais e validar esse pré-cadastro. Será uma forma de prova que aquela pessoa é ela mesma. Há um convênio para que esse processo seja possível também nos 13.627 cartórios de registro civil.

O Governo ainda avalia como agir sobre quem não é eleitor e, portanto, não fez nem pode fazer recadastramento biométrico, como menores de 16 anos.

De acordo com o ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, o novo documento terá um custo de dez centavos por habitantes e a intenção que é o aplicativo seja utilizado futuramente para outros documentos:

— Não tardará muito a adoção disso pelas empresas privadas, já fomos procurados por empresas aéreas que tem interesse em usar o DNI para fazer check-in. A solução é inteligente, digital e sem burocracia. Não vamos ter eliminação de nenhum documento, com o passar do tempo as pessoas passarão a usar o DNI — afirmou o ministro do Planejamento.

O DNI terá como base o recadastramento biométrico da justiça eleitoral, em que o cidadão deixa suas digitais nos cartórios eleitorais. Assim, por enquanto, apenas 73 milhões dos mais de 140 milhões de eleitores brasileiros estão aptos a aderir à medida.

A previsão é que o recadastramento biométrico seja finalizado em 2022. Quem quiser usar o aplicativo no celular como documento de identidade e ainda não se recadastrou poderá se antecipar ao cronograma previsto.

O aplicativo terá cerca de 15 megabytes, funcionará com QR code, usará como base o número do CPF da pessoa, ficará disponível off-line, terá uma senha de seis dígitos, contará com criptografia e, a cada acesso, mostrará a última vez que foi usado. Com o QR code, será possível que, com outro celular, alguém cheque a identidade daquela pessoa.

Os smartphones poderão usar os sistemas Android (Google) e iOS (Apple). Relógios inteligentes também terão sua versão do DNI. Por questão de segurança, será possível baixar o aplicativo em um só dispositivo. O sistema foi desenvolvido pelo Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) e pela MBA Mobi, uma empresa contratada pelo TSE.


Canguçu On Line, com informações de Karla Gamba (O Globo)

Confira também:
Por que a gasolina chega ao consumidor três vezes mais cara no RS
Lojas abrem até as 18h neste sábado
Sexta-feira é dia de uvas finas na rua General Osório
Vazamento de água já dura 20 dias no bairro Uruguai
Maioria é contra a abertura do comércio em domingos e feriados
Canguçu teve 1.192 demissões em 2017
Igreja da Figueira promove o Bazar Solidário
Prezado leitor:
- Para enviar um comentário, é preciso possuir uma conta no Facebook e fazer login nela.
- O comentário é de inteira responsabilidade do autor da mensagem e não representa a opinião do site Canguçu On Line.
 
  • Canguçu On Line
  • Canguçu On Line
ENQUETE
Você é a favor ou contra o cancelamento do Carnaval de Rua 2018?
Sou a favor, o dinheiro economizado poderá ser investido em outras prioridadades
Sou contra, o município perde dinheiro, pois a população acaba saindo da cidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS
23.02.18
Polícia prende dois homens com motos...
23.02.18
Por que a gasolina chega ao consumid...
23.02.18
LM Baterias com deslocamento grátis ...
23.02.18
Funerária Santo Antônio: 50 anos de ...
23.02.18
Senna Auto Center: manutenção preven...
23.02.18
Verão na Estillosa com descontos de ...
22.02.18
Lojas abrem até as 18h neste sábado...
22.02.18
Sexta-feira é dia de uvas finas na r...
22.02.18
Vazamento de água já dura 20 dias no...
22.02.18
Projeto Escola no Campo mudará a rot...
22.02.18
Municípios afetados debatem sobre a ...
22.02.18
Dra Stela Mota fala sobre ronco e ap...
22.02.18
Quinzena do preço baixo Lojas Estrel...
22.02.18
Já provou o delicioso açaí da Pastel...
22.02.18
VÍDEO: Supermercados Heling com ofer...
21.02.18
Maioria é contra a abertura do comér...
21.02.18
Foragido é preso por morte de idoso ...
21.02.18
Canguçu teve 1.192 demissões em 2017...
21.02.18
Inscrições na UFPel para estudantes ...
21.02.18
VÍDEO: Fabris Prestes, presidente da...
+
Lidas
1
Funerária Santo Antônio: 50 anos de experiên...
2
Já provou o delicioso açaí da Pastelaria Paz...
3
Realize sua ultrassonografia na Radiol...
4
Marmoraria Duarte: tudo em mármores, granito...
5
Saiba mais sobre o atendimento psicológico d...
6
Studio Stael Palivorda com ambiente climatiz...
7
Surpreenda-se com o conforto deste lindo est...
8
Médica veterinária Tainá Gonçalves fala de F...
9
Mundo Real com promoção volta às aulas...
10
LM Baterias com deslocamento grátis até 30 q...
  • Canguçu On Line
Canguçu On Line - O Jornal diário de Canguçu © 2018 - Todos os direitos reservados