Canguçu, quinta-feira, 18 de janeiro de 2018, 17h31
Compartilhe:
ESPAÇO DO LEITOR - 18/11/2017
Vida além da vida: Tragédias
Foto: Canguçu On Line
Nilton Moreira, 64 anos, aborda assuntos relacionados à fé e à luz da Doutrina Espírita
Nilton Moreira, 64 anos, aborda assuntos relacionados à fé e à luz da Doutrina Espírita
Nilton Moreira, 64 anos, aborda assuntos relacionados à fé e à luz da Doutrina Espírita

Parece que de uns tempos para cá andam acontecendo tragédias em maior quantidade, mas elas sempre existiram, constando nos livros mais antigos e literaturas complementares, falando de continentes que desapareceram da Terra, como Lemúria, Atlântida e fatos como dilúvio. Entristece-nos, mas sabemos que nada acontece sem a permissão do Criador e nos restando pensamento em preces pelos que se vão e pelos familiares. É da Lei de retorno, e exemplificando destacamos texto de revista do ano de 1997.

“Narra o querido cronista espiritual, que no ano de 177, em Lião, no sopé de uma encosta mais tarde conhecida como colina de Fourvière, improvisara-se grande circo, com altas paliçadas em torno de enorme arena. Era a época do imperador Marco Aurélio, que se omitia quanto às perseguições que eram infligidas aos cristãos. Por isso a matança destes era constante e terrível. Já não bastava que fossem os adeptos do Nazareno jogado as feras para serem estraçalhados, inventavam-se novos suplícios. Mais e vinte mil pessoas haviam sido mortas.

Anunciava-se para o dia seguinte a chegada de Lucio Galo, famoso cabo de guerra, que desfrutava atenções especiais do imperador. As comemorações para recebê-lo deveriam, portanto, exceder a tudo o que já se vira. Foi providenciada uma reunião para a programação dos festejos. Gladiadores, dançarinas, jograis, lutadores e atletas diversos estariam presentes. Foi quando uma voz lembrou: “Cristão as feras!” Todos aplaudiram a ideia, mas logo surgiram comentários de que isto já não era novidade.

Em consideração ao visitante era preciso algo diferente. Assim, foi planejado que a arena seria molhada com resina e cercado de farpas embebidas em óleo, sendo reunidas ali cerca de mil crianças e mulheres cristãs. Seriam ainda colocados velhos cavalos e ateado fogo. Todos gargalhavam imaginando a cena.O plano foi posto em ação. E no dia seguinte, conforme narra Humberto de Campos, ao sol vivo da tarde, largas filas de mulheres e criancinhas, em gritos e lágrimas, encontraram a morte, queimadas ou pisoteadas pelos cavalos em correria. Afirma o cronista espiritual que quase dezoito séculos depois, a Justiça da Lei, através da reencarnação, reaproximou os responsáveis em dolorosa expiação em tragédia acontecida no ano de 1961”.

Exemplificações como a descrita continuam a acontecer nos dias de hoje, razão pela quais tragédias com desencarnes em massa estão a se processar em dolorosas expiações.

O AUTOR
O texto é uma colaboração de Nilton Moreira, 64 anos, natural de Pelotas e morador do município de Redentora, no Noroeste do Rio Grande do Sul. Moreira é inspetor de Polícia aposentado, possui formação em Eletrônica, é trabalhador e palestrante na ceara Espírita. Nos textos que escreve, ele aborda assuntos relacionados à fé e à luz da Doutrina Espírita.

Confira também:
Leitora reclama da qualidade da água em Canguçu
Vida além da vida: Desencarnes com acidentes
Vida além da vida: Mal a serviço do bem
Vida além da vida: Apenas agradecer
Vida além da vida: Discrepâncias
Leitora procura por cadelinha desaparecida na Vila Nova
Leitor relata condições de estrada após ser patrolada
Prezado leitor:
- Para enviar um comentário, é preciso possuir uma conta no Facebook e fazer login nela.
- O comentário é de inteira responsabilidade do autor da mensagem e não representa a opinião do site Canguçu On Line.
 
  • Canguçu On Line
ENQUETE
Sobre a instalação de 3 semáforos entre a Av. Exército Nacional e a R. Júlio de Castilhos?
Sou a favor
Sou contra

ÚLTIMAS NOTÍCIAS
16:07:56
Revestimentos e pisos modernos você ...
11:06:19
Igreja Matriz tem parede lateral pic...
09:39:34
Horários e roteiros do transporte co...
09:00:21
Promoção bombástica das Lojas Estrel...
08:55:48
E os pastéis doces da Pastelaria Paz...
08:50:42
Você sabe o que é Bitcoin?...
08:43:26
Supermercados Heling com novas ofert...
08:40:30
Dra Stela Mota fala sobre ronco e ap...
17.01.18
O futuro da ONG Morena Flor em novo ...
17.01.18
Saiba mais sobre o atendimento psico...
17.01.18
Faça sua mamografia na Radiol Centro...
17.01.18
Studio Stael Palivorda com ambiente ...
17.01.18
NovaNET com planos certos para atend...
16.01.18
VÍDEO: Como será a Abastecedora DM ...
16.01.18
Festa Campeira do CTG Joaquim Paulo ...
16.01.18
Para 80% dos motoristas do RS, fazer...
16.01.18
Escola Rodolfo Bersch é arrombada no...
16.01.18
Marmoraria Duarte: tudo em mármores,...
16.01.18
Móveis Rústicos em madeira você enc...
16.01.18
Kids Mania com lindas novidades de v...
+
Lidas
1
Funerária Santo Antônio: 50 anos de experiên...
2
Faça sua mamografia na Radiol Centro de Diag...
3
E os pastéis doces da Pastelaria Paz, já pro...
4
Marmoraria Duarte: tudo em mármores, granito...
5
Saiba mais sobre o atendimento psicológico d...
6
Studio Stael Palivorda com ambiente climatiz...
7
Dra. Stela Maris de Azevedo Mota Ortodontia ...
8
Kids Mania com lindas novidades de verão...
9
Móveis Rústicos em madeira você encontra na...
10
Médica veterinária Tainá Gonçalves fala de F...
  • Canguçu On Line
Canguçu On Line - O Jornal diário de Canguçu © 2018 - Todos os direitos reservados