Canguçu, quarta-feira, 18 de outubro de 2017, 20h11
Compartilhe:
ESPAÇO DO LEITOR - 12/08/2017
Vida além da vida: Tropeço futuro
Foto: Canguçu On Line
O AUTOR<br />
O texto é uma colaboração de Nilton Moreira, 64 anos, natural de Pelotas e morador do município de Redentora, no Noroeste do Rio Grande do Sul. Moreira é inspetor de Polícia aposentado, possui formação em Eletrônica, é trabalhador e palestrante na ceara Espírita. Nos textos que escreve, ele aborda assuntos relacionados à fé e à luz da Doutrina Espírita
O AUTOR
O texto é uma colaboração de Nilton Moreira, 64 anos, natural de Pelotas e morador do município de Redentora, no Noroeste do Rio Grande do Sul. Moreira é inspetor de Polícia aposentado, possui formação em Eletrônica, é trabalhador e palestrante na ceara Espírita. Nos textos que escreve, ele aborda assuntos relacionados à fé e à luz da Doutrina Espírita
O AUTOR O texto é uma colaboração de Nilton Moreira, 64 anos, natural de Pelotas e morador do município de Redentora, no Noroeste do Rio Grande do Sul. Moreira é inspetor de Polícia aposentado, possui formação em Eletrônica, é trabalhador e palestrante na ceara Espírita. Nos textos que escreve, ele aborda assuntos relacionados à fé e à luz da Doutrina Espírita

Não faz muito tempo participamos de encontro verde mundial na cidade de Brasília onde foram tratados assuntos relacionados ao meio ambiente e o posicionamento dos países que mais poluem, emitindo no ar principalmente gás carbônico e metano, cujo objetivo principal era como minimizar o impacto ambiental. Ficamos perplexos com a situação pela qual está passando o Planeta Terra o que causa consequências negativas para todos nós.

O efeito estufa foi demonstrado para os participantes, como se a Terra estivesse envolta por um grande cobertor (manta), o que ocasiona como sabemos o aquecimento global gerando sérios desastres ao meio ambiente. Muitos foram os assuntos tratados em mais de um dia de fórum, com vários questionamentos formulados aos cientistas da área de engenharia florestal, agrônoma e química, que lá estavam presentes.

Em meio a comentários constatou-se filosoficamente que as árvores estão maiores, com porte mais imponente do que se apresentavam em décadas passadas, pois sendo os vegetais grandes consumidores de Co² que paira no ar, passaram a se alimentar com mais abundância nestes últimos tempos, graças uma maior concentração deste componente na atmosfera, razão pela qual ao viajarmos por locais de florestas, podemos notar os arbustos com mais exuberância e com aumento de altura e volume considerável.

Felizmente a preocupação ambiental de tempos para cá tem sido levada a sério pela maioria dos países do mundo, com proibição de queimadas, até mesmo as mais simples como as folhas que caem em via pública ou nossos quintais. Sabemos que o Planeta passa por uma transição no sentido de evoluir e que nós somos os responsáveis por esta evolução, e preservando o ambiente certamente evitaremos com o passar dos séculos encontrar uma Terra com lixo em suas entranhas, quando por aqui voltarmos em uma futura vida, já que somos do seguimento da crença de que reencarnamos várias vezes.

A Terra poderá daqui há 500 anos ser um planeta melhor moralmente, mas com sérios problemas em seu terreno relativo a sujeira, pois o plástico que espalhamos por ai, certamente ainda existirá, o que será extremamente triste para todos os que aqui venham habitar. Portanto lembre-se: a latinha de refrigerante ou pet jogado no meio ambiente poderá ser o nosso tropeço futuro, por ocasião de nossa volta. Que o criador nos permita discernimento.

O AUTOR
O texto é uma colaboração de Nilton Moreira, 64 anos, natural de Pelotas e morador do município de Redentora, no Noroeste do Rio Grande do Sul. Moreira é inspetor de Polícia aposentado, possui formação em Eletrônica, é trabalhador e palestrante na ceara Espírita. Nos textos que escreve, ele aborda assuntos relacionados à fé e à luz da Doutrina Espírita.

Confira também:
Vida além da vida: Crianças azuis
Vida além da vida: Acreditando ou não...
Vida além da vida: Dedão
Vida além da vida: Psicografia recebida
Gato Persa desaparecido
Vida além da vida: Insônia
Alunos enfrentam o barro antes de chegar à Escola Firmina
Prezado leitor:
- Para enviar um comentário, é preciso possuir uma conta no Facebook e fazer login nela.
- O comentário é de inteira responsabilidade do autor da mensagem e não representa a opinião do site Canguçu On Line.
 
ENQUETE
Sobre a exposição de veículos para venda em via pública:
Deve ser liberada.
Deve ser limitada a 2 veículos por estabelecimento.
Deve ser proibida.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS
16:50:16
Promotoria de Justiça de Canguçu abr...
15:06:09
Rotary Club promove Brechó do Desape...
09:14:18
Outubro Rosa no Studio Stael Palivor...
09:01:45
Acican realiza assembleia em novembr...
08:40:10
NovaNET com agilidade e velocidade p...
08:20:58
Conheça a Radiol Centro de Diagnósti...
08:11:25
Pet Shop São Francisco busca de graç...
17.10.17
Vá até os Supermercados Heling e con...
17.10.17
A importância do CPF na Nota Fiscal ...
17.10.17
Beto Boemeke será ouvido na CPI do H...
17.10.17
Defesa Civil calcula os prejuízos da...
17.10.17
Psicóloga Josiane Milech: Outubro ro...
17.10.17
Vital Pet Consultório Veterinário: t...
17.10.17
Marmoraria Duarte: tudo em mármores,...
17.10.17
Casal de Piratini pede doações para ...
17.10.17
Conheça a linha de ambientes modulad...
17.10.17
Kids Mania com lindas novidades de v...
16.10.17
3º Campeonato Municipal Colonial de ...
16.10.17
Lojas Frank com muitas novidades par...
16.10.17
Fique por dentro da agenda semanal d...
+
Lidas
1
Funerária Santo Antônio: 50 anos de experiên...
2
Conheça a Radiol Centro de Diagnóstico por I...
3
Aluna da escola Henrique Brockmann está desa...
4
Conheça o Studio de Atividade Física Stael P...
5
Adolescente desaparecida volta para casa...
6
LM Baterias com deslocamento grátis até 30 q...
7
FOTOS: Os efeitos da chuva em Canguçu...
8
Vital Pet Consultório Veterinário: tudo para...
9
Canguçu registra 200 milímetros de chuva...
10
Homem que caiu do telhado será sepultado nes...
  • Canguçu On Line
Canguçu On Line - O Jornal diário de Canguçu © 2017 - Todos os direitos reservados