Canguçu, segunda-feira, 11 de dezembro de 2017, 11h21
Compartilhe:
EDUCAÇÃO - 18/04/2017
VÍDEO: Cecilia Rigo defende as escolas filantrópicas em Brasília
Foto: Reprodução/TV Câmara
Cecilia é e representante do Sindicato das Escolas Particulares do Rio Grande do Sul e teme que as escolas filantrópicas sejam prejudicadas pela Reforma da Previdência
Cecilia é e representante do Sindicato das Escolas Particulares do Rio Grande do Sul e teme que as escolas filantrópicas sejam prejudicadas pela Reforma da Previdência
Cecilia é e representante do Sindicato das Escolas Particulares do Rio Grande do Sul e teme que as escolas filantrópicas sejam prejudicadas pela Reforma da Previdência

Em debate na Câmara dos Deputados, representantes do setor disseram que a imunidade fiscal dessas entidades representa R$ 3,9 bihões ao ano, mas a contrapartida em serviços à sociedade chega a R$ 15,1 bilhões

Representantes de escolas filantrópicas manifestaram preocupação com a proposta de Reforma da Previdência (PEC 287/16) em discussão na Câmara dos Deputados.

Segundo eles, o relator da matéria, deputado Arthur Oliveira Maia (PPS-BA), poderia incluir em seu parecer o fim da imunidade fiscal prevista na Constituição Federal.

Eles participaram nesta terça-feira (11) do ciclo de palestras Educação em Debate, promovido pela Frente Parlamentar Mista da Educação em parceria com a Comissão de Educação da Câmara.

Presidente do Fórum Nacional das Instituições Filantrópicas (Fonip), Custódio Pereira explicou que, além de representar menos de 3% das receitas previdenciárias, essas entidades devolvem quase R$ 6 reais para cada real investido pelo governo em renúncia fiscal. No caso das escolas filantrópicas, acrescentou Custódio, a imunidade fiscal representa R$ 3,9 bilhões ao ano, e a contrapartida para a sociedade alcança R$ 15,1 bilhões.

Os números são de pesquisa realizada pela empresa Dom Strategy em mais de 9.869 instituições nas áreas de educação, saúde e assistência social, usando dados da Receita Federal sobre o retorno oferecido pelas entidades.

De acordo com a Fonip, 20% das vagas nas escolas filantrópicas são para alunos carentes, totalizando 586,9 mil bolsas de estudo em todo o País.

Representação de Canguçu no debate
A Irmã Cecilia Rigo, do Colégio Franciscano Nossa Senhora Aparecida (CFNSA) de Canguçu e representante do Sindicato das Escolas Particulares do Rio Grande do Sul, viajou até Brasília (DF) e foi uma das protagonistas do debate.

— É preciso valorizar as escolas filantrópicas como espaço de vida e esperança. Por que destruir isso? Filantropia é amor à humanidade — disse ela, durante a sua argumentação.

De longe, o Colégio Aparecida acompanhou a defesa de Cecilia e demonstrou otimismo com as discussões.

— Compartilhamos nossa admiração pela segurança nas palavras e comprometimento com a Educação e o Direito de que todos possam ter acesso a uma Escola de qualidade; Este foi o propósito que levou Irmã Cecília até Câmara Federal em Brasília no dia de hoje — escreveu a instituição na sua página no Facebook.

VEJA ABAIXO A PARTICIPAÇÃO DA IRMÃ CECILIA RIGO NA ÍNTEGRA:

Canguçu On Line, com informações da Agência Câmara Notícias

Confira também:
Alunos do Colégio Aparecida lançam livros
CIEE inaugura primeira turma de aprendizagem em Canguçu
PAVE vai ser realizado nesse final de semana
João de Deus Nunes pode ter aulas até 28 de janeiro
Canguçu tem 11 vencedores no Concurso Agrinho
Município debate tratamento para crianças com autismo
FOTOS: Escola Gonçalves Dias é destaque nacional
Prezado leitor:
- Para enviar um comentário, é preciso possuir uma conta no Facebook e fazer login nela.
- O comentário é de inteira responsabilidade do autor da mensagem e não representa a opinião do site Canguçu On Line.
 
  • Canguçu On Line
ENQUETE
Sobre a instalação de 3 semáforos entre a Av. Exército Nacional e a R. Júlio de Castilhos?
Sou a favor
Sou contra

ÚLTIMAS NOTÍCIAS
08:41:47
Lojas Frank com muitas novidades par...
08:40:52
Confira os serviços da Clínica Brasi...
08:34:07
A Afubra preparou ótimas ofertas par...
08:26:00
Escolha seu presente de natal na Mun...
08.12.17
Sábado com lojas abertas até as 18h...
08.12.17
Canguçu festeja Nossa Senhora da Con...
07.12.17
Família de Jaíne Centeno aguarda des...
07.12.17
Alunos do Colégio Aparecida lançam l...
07.12.17
Despedida de Chiquinho com jogo bene...
07.12.17
Confira as ofertas do Supermercado H...
07.12.17
Suspeito de matar Jaíne Centeno é ju...
07.12.17
Pastelaria Paz com cervejas artesana...
07.12.17
Estrela Móveis promove a Black Week...
07.12.17
Dra. Stela Maris de Azevedo Mota Ort...
07.12.17
CIEE inaugura primeira turma de apre...
07.12.17
PASA Produtos Agrícolas traz à Cangu...
06.12.17
Canguçu ganha unidade do PROCON...
06.12.17
Alunos da APAE distribuem abraços...
06.12.17
Osteoporose atinge mulheres e alemãe...
06.12.17
Clínica São Francisco com sorteio de...
+
Lidas
1
Faça sua mamografia na Radiol Centro de Diag...
2
Pastelaria Paz com cervejas artesanais...
3
Marmoraria Duarte: tudo em mármores, granito...
4
Confira os serviços da Clínica Brasil Canguç...
5
PASA Produtos Agrícolas traz à Canguçu: Ener...
6
Natal dos Sonhos é no Mundo Real ...
7
Você já conhece o Studio Stael Palivorda?...
8
Dra. Stela Maris de Azevedo Mota Ortodontia ...
9
Móveis Rústicos em madeira você encontra na...
10
Kids Mania com lindas novidades de verão...
  • Canguçu On Line
Canguçu On Line - O Jornal diário de Canguçu © 2017 - Todos os direitos reservados